A última pesquisa realizada pela CNDL/SPC Brasil constatou que 40% dos brasileiros compram pelas redes sociais. A pandemia tornou esses canais de vendas ainda mais necessários para os lojistas se manterem próximos dos seus clientes. Entretanto, é importante lembrar que o comércio online não tem as mesmas obrigações tributárias que o físico e o ambiente virtual propicia a informalidade.

Na última quarta-feira, 14, a Fundação CDL realizou a montagem de computadores que foram entregues ao Lar Eurípedes. Dois alunos do curso de informática promovido pela Fundação no Abrigo Casa de Ismael participaram da montagem das máquinas. O procedimento foi acompanhado pelo professor do curso, Alesson Ramos.

A CDL-DF e a CDL Jovem, assim como os seus associados, foram convidados para participar do webinar de apresentação do Programa DF Inovador. O evento, exclusivo para a entidade e associados, será realizado pela Softex (Associação para Promoção da Excelência do Software Brasileiro) e FAPDF (Fundação de Apoio à Pesquisa do Distrito Federal).

Nos dias 28 e 29 de setembro, a Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) realizará o V Fórum Nacional do Comércio com a temática “Transformações: política e comércio no pós-pandemia”. O evento reúne as principais lideranças do varejo nacional e autoridades políticas para debater a melhoria do ambiente de negócios no país. Neste ano, a CDL-DF estará presente como patrocinadora.

O uso de aplicativos e de redes sociais pelos consumidores para a realização de suas compras têm crescido significativamente nos últimos anos. É o que aponta pesquisa realizada pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) e pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil), em parceria com o Sebrae, divulgada na última segunda-feira (19).