Nosso mascote traz dicas para sua loja arrasar no m-commerce

Seu e-commerce está adaptado para vendas mobile? Se não, atenção já! Segundo uma pesquisa divulgada pela Webshoppers, em 2018, a venda on-line feita por meio de dispositivos móveis representou 35% (40,3 milhões) dos pedidos e 31,3% (R$ 16,7 bilhões) do faturamento total das vendas on-line. O aumento de pedidos feitos por smartphones demonstra que o mobile commerce ganhou de uma vez por todas a simpatia dos consumidores, fato que abre as portas para os avanços nas ferramentas de compra pelo celular, visando a uma experiência ainda mais eficiente e cômoda.


As estratégias para o desktop e os dispositivos móveis obedecem a diretrizes diferentes, embora seja necessária uma convergência de valores essenciais à marca. As vendas mobile carecem de um sistema ágil, direcionado e autogerenciável para estabelecer uma afinidade instantânea com quem o utiliza.

Não importa a hora e o lugar em que esteja o cliente, a facilidade de comprar pelo celular é um dos motivos pelo qual os consumidores optam por esse meio. Nesse sentido, preparar sua loja para receber a visita de um usuário que está navegando pelo smartphone garante uma boa experiência dele na sua página, o que aumenta as chances de essa visita se converter em venda. Mas lembre-se de que, para ganhar a confiança do consumidor, seu negócio precisa oferecer um acesso seguro, prático e estruturado, que estabeleça boa conexão com ele e dê suporte em casos de erro na plataforma. Se houver um deslize, principalmente, financeiro, ele não hesitará em abandonar sua empresa.

Para arrasar no mobile commerce, nosso mascote separou algumas dicas valiosas. Confira!

– Adicione um chat:

o celular é um item pessoal e, quanto mais próxima for a comunicação com a empresa, mais o cliente se sentirá confortável e confiante em fazer uma compra.

– Conteúdo personalizado:

utilize os dados a seu favor. Com base nas preferências dos usuários, forneça conteúdo personalizado e invista nas redes sociais como um espaço de divulgação.

– Facilite para o cliente:

o consumidor que opta pelo celular quer rapidez e eficiência. Atente para que o processo seja de fato intuitivo, simples e eficaz, sem perder as funcionalidades que seu cliente busca.

– Avalie a necessidade de ter um aplicativo:

os apps são mais rápidos no carregamento, uma vez que não há a necessidade de extrair os dados de um servidor, acelerando o processo de compra. Além disso, com um aplicativo, sua empresa ganha muitas outras possibilidades de se destacar positivamente como uma loja mobile.

Fonte: Varejo SA